Existe um reator nuclear natural de 2 bilhões de anos na África

Ao analisar o minério da República Gabonesa, na África, cientistas franceses perceberam algumas coisas estranhas. O ano era 1972 e eles verificavam o urânio vindo de uma mina da região de Oklo. No material, havia três isótopos: urânio-238, urânio-234 e urânio-235. Os cientistas perceberam que a porcentagem de urânio-235, mais conhecido por ter o poder […]