Sua visão sempre dependerá de sua posição!

A sociedade humana tem se caracterizado pelas constantes mudanças e revoluções. Buscamos uma evolução ininterrupta, pressionando continuamente para melhores resultados e sucessos em todas as áreas da vida. Alguns fatores básicos são fundamentais para este movimento. Valores como liberdade democrática, sucesso, competência e meritocracia são bússolas que apontam sempre para a busca de novos caminhos e resultados.

Em uma sociedade livre e competitiva, apenas os melhores se estabelecem. Apenas os vencedores permanecem. Os demais são retirados do caminho. Aqueles que titubeiam e vacilam podem não terem chances. Como diz em um conto japonês, “a oportunidade se apresenta como uma mulher careca com uns fios de cabelos na testa em forma de rabo de cavalo: ou você a agarra na primeira vez, ou ela te deixará para sempre”. Portanto, valorize as oportunidades que se apresentam a você. Elas podem ser únicas.

Muitas vezes, o esforço para nos manter na frente da batalha nos rouba a capacidade da antecipação. A visão embaçada não nos permite enxergar em longa distância. Estamos sempre “matando sempre um leão por dia”. É a luta cotidiana pela sobrevivência.

Admiro aqueles que receberam os piores golpes da vida e sobreviveram. São pessoas que foram lançadas em posições bastante desprivilegiadas, mas conseguiram tirar a diferença e construíram trajetórias notáveis.

Existem pessoas que possuem uma capacidade além do normal de se reconstruir e se reajustar. Essas pessoas merecem o nosso respeito e a nossa admiração. Elas nos mostraram, em seu caminho e sua história, que possuem “a chama da vida”. Elas lutaram e não desistiram nem se entregaram, por exemplo à bebida ou às depressões, que tantas vezes abatem outras em condições muito mais favoráveis.

Em tempos de crise em nossas vidas, o melhor é não ouvir o que estão “descendo”. Até porque eles já tentaram e não conseguiram. Para eles, a entrada é realmente muito difícil. Portanto, antes de ouvir alguém, como seu conselheiro ou até mesmo como o seu mentor, perceba se esta pessoa está “subindo” ou “descendo”. Sua visão sempre dependerá de sua posição! Os que estão na planície só enxergam o plano. Os que estão no vale só veem os montes que os cercam. E os que estão nos montes, esses sim, enxergam muito além. Antes de escolher um livro de cabeceira, veja onde, na estrada da vida, está seu autor.

 

Share this post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email