Dilma sanciona lei que considera música gospel manifestação cultural

A lei reconhece a música gospel como cultura e os eventos a ela relacionados, exceto os promovidos por igrejas. O projeto é de autoria do ex-deputado Bispo Rodovalho (PP-DF)

A presidente Dilma Rousseff sancionou nesta terça-feira (10) lei que considera a música gospel uma manifestação cultural. Agora, padres, pastores, cantores e parlamentares que se apresentam e fazem shows gospel poderão recorrer aos benefícios da Lei Rouanet.

A lei reconhece a música gospel como cultura e os eventos a ela relacionados, exceto os promovidos por igrejas. O projeto é de autoria do ex-deputado Bispo Rodovalho (PP-DF). O advogado Paulo Fernando Melo, assessor da Frente Parlamentar Católica na Câmara, foi quem elaborou o texto.

“Foi uma decisão sábia, que vai fazer justiça a esse importante movimento cultural, de católicos e evangélicos. Vai estimular ainda mais a difusão da música religiosa no Brasil”,  disse Paulo Fernando.

Share this post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email